10 de nov de 2015

Especial Harry Potter: Casas de Hogwarts


Olá pessoal, tudo bem? No post de hoje venho com mais um Especial Harry Potter, e dessa vez, contarei a vocês sobre cada Casa de Hogwarts, minha opinião sobre elas e em qual (ou quais) eu penso que me encaixo.
Vamos lá? Clique em continue lendo para continuar!

As Casas
Hogwarts foi fundada por quatro bruxos: Godric Gryffindor, Salazar Slytherin, Helga Hufflepuff e Rowena Ravenclaw. Juntos, decidiram que dividiriam os alunos em Casas de acordo com suas qualidades e personalidades. As quatro Casas levaram seus sobrenomes e cada uma delas era formada por um símbolo, um determinado padrão de cores e um fantasma representante. Gryffindor tem um leão, é formada pelas cores vermelho e dourado e seu fantasma é Sir Nicholas (Nick-Quase-Sem-Cabeça); Slytherin tem uma cobra, é formada pelas cores verde e prata e seu fantasma é o Barão Sangrento; Ravenclaw tem uma águia, é formada pelas cores azul e prata e seu fantasma é a Dama Cinzenta; enquanto Hufflepuff tem um texugo, é formada pelas cores amarelo e preto e seu fantasma é o Frei Gorducho.
As Casas, além de providenciarem conforto e familiaridade aos seus alunos, também competem entre si em algumas atividades que incentivam o melhor desempenho desses alunos em matérias ou campeonatos, como o Quadribol e a Copa das Casas.
Obviamente, entre os fãs de Harry Potter, há uma rixa desnecessária em relação a esse assunto. Diversas brigas surgem por conta disso, onde os fãs discutem qual Casa é melhor e qual é pior. A verdade, é que não há melhor ou pior, mas bruxos que fazem parte delas que representam a Casa da qual pertencem de uma maneira boa ou ruim. J.K. Rowling fez questão de deixar isso claro em seus livros, mostrando que, apesar da grande fama de boa ou grande fama de má de determinadas Casas, ambas têm seus lados sombrios por conta de alunos que seguem direções certas ou erradas no decorrer de suas vidas.
Tendo isso em vista, meu objetivo agora, é fazer com que esses fãs enxerguem que cada uma delas tem suas qualidades e defeitos, e que não há motivo nenhum para discussões desnecessárias. 

Gryffindor
Gryffindor é a Casa fundada por Godric Gryffindor. Seu símbolo é o leão, seu elemento é o fogo, as cores que a representam são o vermelho e o dourado, seu fantasma é Nick-Quase-Sem-Cabeça e a diretora responsável é Minerva McGonagall. O Salão Comunal está localizado em uma das torres do castelo, no sétimo andar, e é guardada pela pintura da Mulher Gorda, que somente permite a entrada se a senha (que muda constantemente) correta for dada. As características principais da Casa são a bravura e a coragem, apesar de muitos fãs discordarem disso.
Para grande parte dos potterheads, os alunos que fazem parte da Casa Gryffindor não passam de pessoas metidas, convencidas e desesperadas por atenção. Tudo isso porque Gryffindor é a Casa que mais aparece nos filmes e livros, é a mais aprofundada pela escritora e a mais “privilegiada” em atividades na escola de bruxaria. 
Entretanto, deve-se levar em conta o fato de que é o lugar e o time do qual o protagonista dos livros e filmes é colocado, não havia outra maneira de se aprofundar no restante das Casas já que Harry estaria sempre na sua própria. É claro, não posso negar que existem os alunos com essas características, pois, como disse anteriormente, J.K. Rowling fez questão de deixar claro que todas as Casas eram compostas por suas qualidades e defeitos. Obviamente existem alunos Gryffindor que se aproveitam de sua coragem e bravura para aparecerem, para receberem créditos e para se sobressaírem sobre outros bruxos ou Casas. 
*cof cof Cormac Mclaggen cof cof*
Entretanto, não penso que devemos considerar tais características como as principais da Casa, já que, se ela não fosse uma boa Casa, não estaria sendo citada por J.K. e muito menos sendo colocada na escola de Hogwarts. Além dos alunos convencidos de sua extraordinária coragem, existem alunos como Harry Potter, Hermione Granger, Alvo Dumbledore e diversos outros personagens que merecem ser destacados como os símbolos de Gryffindor, já que honram as características originais dela: a bravura e a coragem. A humildade, a amizade e o sacrífico pelo bem maior.
Gryffindor é uma Casa maravilhosamente bem criada pela nossa incrível escritora. E apesar da grande moral que ela carrega por ser o lugar de Harry Potter, também carrega seus defeitos, assim como suas infinitas qualidades. 

Slytherin
Slytherin é a Casa fundada por Salazar Slytherin. Seu símbolo é a cobra, seu elemento é a água, as cores que a representam são o verde e o prata, seu fantasma é o Barão Sangrento e o diretor responsável é Severo Snape. O dormitório dos Slytherin está atrás de uma parede de pedra nas masmorras. As características principais da Casa são o orgulho, o enorme desejo de poder e é formada por alunos muito astutos. São, também, considerados pela maioria, a Casa rival de Gryffindor, portanto, famosos por características muito distintas da primeira.
Por ter tido o “lar” do maior vilão da série, Lord Voldemort, e de outros muitos bruxos malvados, Slytherin acabou aderindo a fama da Casa dos vilões. Seus alunos são considerados malvados, também convencidos, e preconceituosos, já que uma parte dos mesmos não aturam os trouxas e seus filhos bruxos. Entretanto, novamente levando em conta o fato das Casas serem compostas por diversas qualidades e defeitos, Slytherin acaba não sendo diferente nesse quesito.
Apesar da grande parte dos seus alunos acabarem seguindo o caminho da escuridão, a outra parte segue seu caminho na parte mais iluminada. Os que não são dominados pelo poder da forma errada, buscam o mesmo com sacrifícios, esforço e determinação. São ambiciosos, trabalhadores, sonhadores e sentem orgulho de quem são (o que, no caso, é uma coisa boa quando usado da forma correta). Também não se deixam abalar por outros e seguem em busca de seus objetivos com foco, força e fé!!
Além disso, apesar de parecer um fato chocante para algumas pessoas, os Slytherin também são capazes de amar. E, sem dúvidas, temos o exemplo mais perfeito para a situação. 
Eles podem até ser reservados em relação aos sentimentos, mas com certeza sentem com a mesma, ou até maior, intensidade que outros alunos de outras Casas.
Portanto, a fama e a maldade acabam se perdendo em meio a tantas qualidades quando enxergamos os bruxos de tal Casa de maneira mais amigável. Com certeza eles têm razão quando sentem orgulho de si mesmos e de sua própria Casa, já que são ambos incríveis!
Mas não podemos esquecer:
 "Com 472 pontos, Slytherin ganha a Copa das Casas."

 "Entretanto, eu decidi dar 1000 pontos para Harry Potter por respirar."
 "Oh, merda!"

Hufflepuff
Hufflepuff é a Casa fundada por Helga Hufflepuff. Seu símbolo é o texugo, seu elemento é terra, as cores que a representam são o amarelo e o preto, seu fantasma é o Frei Gorducho e a diretora responsável é Pomona Sprout. A sala comunal é acessível através de uma parede no mesmo corredor que leva às cozinhas. No corredor, o aluno encontra uma parede cheia de barris; para entrar, o aluno precisa bater em um certo barril "no ritmo de Hufflepuff" para que a tampa do barril se abra revelando a passagem para a sala. Se o aluno bater fora do ritmo, ou se bater no barril errado, um dos barris estoura e encharca o visitante indesejado em vinagre. As características principais da Casa são a paciência, a lealdade, a justiça, a gentileza, a simpatia, a diversão, a generosidade e a pureza. Seus alunos são muito amorosos e não tem medo da dor. E, é claro, são conhecidos como os “figurantes” de Hogwarts.
"Não é um personagem principal? Mande ele para Hufflepuff"
Por ser a Casa menos comentada (ou talvez, a Casa nunca comentada) de Hogwarts, Hufflepuff acaba sendo excluída de todas as atividades dos livros e dos filmes, fazendo com que quase ninguém conheça suas características e as personalidades pertencentes aos alunos que fazem parte dela. J.K. Rowling, em minha humilde opinião, falhou miseravelmente ao tentar ingressar a Casa em certo momento do livro, acrescentando Cedrico Diggory como o centro das atenções e o herói temporário da história. É claro, se não fosse por essa aparição, talvez Hufflepuff nunca tivesse sido ao menos conhecida pelos fãs; entretanto, a autora poderia ter feito um pequeno esforço e dado um pouco mais de espaço para a Casa e os bruxos pertencentes a ela. Se isso tivesse sido feito, com certeza muitos bruxos sonhariam em fazer parte dela.
"Que porra é Hufflepuff"
Logicamente também é formada por pessoas desagradáveis e arrogantes...
*cof cof Zacharias Smith cof cof*
Mas não deixa de ser uma das Casas mais adoráveis de Hogwarts. Os “figurantes” acabam se destacando por serem portadores de uma das mais incríveis personalidades, em uma das mais incríveis Casas!
Vale lembrar: 
"'10 pontos para Hufflepuff' não disse nenhum professor de Hogwarts"

Ravenclaw
Ravenclaw é a Casa fundada por Rowena Ravenclaw. Seu símbolo é a águia, seu elemento é o ar, as cores que a representam são o azul e o prata, seu fantasma é a Dama Cinzenta e o diretor responsável é Filius Flitwick. O Salão Comunal da Corvinal está em uma torre no lado oeste da escola, com a porta no topo de uma alta escada em espiral. Não há uma maçaneta, e sim uma encantada aldavra de bronze no formato de uma águia, fixada em uma porta de madeira envelhecida. Quando os alunos batem na porta, a aldavra faz uma pergunta e, somente se responderem corretamente, poderão entrar. Seus membros são inteligentes, perspicazes e gentis, ainda que misteriosos e possuem uma grande sede de conhecimento. Ainda que mais comentada e mais desejada que a Casa Hufflepuff, os bruxos pertencentes a Casa acabam sendo taxados como “figurantes” também.
"Sorteado para Ravenclaw no Pottermore, sem piadas Hufflepuff!"
Por serem extremamente inteligentes, a maioria dos melhores inventores bruxos pertenceram a ela, fazendo assim, parecer que não existem bruxos com personalidades ruins; o que está errado. Assim como acontece com Gilderoy Lockhart, a inteligência e a habilidade podem também trazer péssimos hábitos de convencimento, orgulho e falsa sensação de superioridade, que é exatamente o que o professor de Defesa Contra as Artes das Trevas do segundo ano de Harry Potter mostra ter.
"Eu não me livrei do Bandon Banshee sorrindo para ele."
Portanto, acaba sendo um grande exemplo de que todas as casas têm seus defeitos, por mais que sejam consideradas perfeitas.
Ravenclaw, apesar de, assim como Hufflepuff, não ser a tão desejada Casa para a maior parte dos fãs, é outra Casa admirável e incrível. Apesar de seus inevitáveis defeitos, suas qualidades acabam levando a maior parte de seus bruxos até um futuro brilhante de fama, sucesso e satisfação. 

Minha Casa
Se este fosse um post sobre a saga Divergente, eu faria uma Casa à parte, onde todas as qualidades e defeitos de todas as Casas de Hogwarts pudessem se misturar, e me juntaria a ela, sendo divergente. Cada Casa tem sua particularidade e sua personalidade das quais me encaixo. Me considero uma pessoa esperta como os Revenclaws, corajosa como Gryffindors, fiel como Hufflepuffs e esforçada como Slytherins.
Entretanto, me identifico muito mais com Hufflepuff e Gryffindor, pelo fato de me considerar muito mais fiel e amiga do que ambiciosa e sedenta por poder, e muito mais corajosa e brava do que misteriosa e superinteligente.
E com certeza vocês estão cobrando de mim para que eu finalmente escolha uma só Casa, e foi por isso que fiz meu teste no Pottermore, onde finalmente fui classificada como Gryffindor. Fiquei muito feliz com o resultado, já que sempre me identifiquei mais com a Casa de Harry Potter quando lia os livros ou via os filmes. E não, não sou o tipo de pessoa que você provavelmente está pensando: não me identifiquei mais com Gryffindor simplesmente por ser a Casa de Harry Potter. Era algo natural, sem muita explicação.
E apesar de ser completamente apaixonada por todo esse universo que J.K. criou dentro de Hogwarts, por todas as Casas pertencentes a melhor escola de bruxaria, eu sempre soube que meu coração era vermelho e dourado!
Ah, e só para lembrar: 

Então é isso pessoal! Espero que tenham gostado do post, e se gostaram, cliquem em curtir lá em cima ao lado do título e comentem suas opiniões. Me contem a que casas vocês pertencem e o que acham do restante delas!
Até mais!

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
Minima Color Base por Layous Ceu Azul & Blogger Team